quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Obsessão Governo Temer não desistiu da reforma da Previdência, diz Maia – Poder Intenso



Brasília – O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou nesta quarta-feira, 8, que o governo não desistiu de aprovar a reforma da Previdência. Em entrevista ao chegar na Casa após reunião sobre a proposta no Palácio do Planalto, o parlamentar fluminense afirmou que “de forma nenhuma” o governo vai deixar de colaborar…
via Governo não desistiu da reforma da Previdência, diz Maia — EXAME

terça-feira, 7 de novembro de 2017

Michel Temer admitiu aprovar só idade mínima, diz Raimundo Lira – Ordem, Progresso e Poder



Brasília – O líder do PMDB no Senado, Raimundo Lira (PB), contou que o presidente Michel Temer defendeu a aprovação de pelo menos uma idade mínima para aposentadoria durante reunião com líderes partidários do Senado, nesta terça-feira, 7. Outros pontos da reforma da Previdência proposta inicialmente pelo governo ficariam para a próxima gestão. 
via Temer admitiu aprovar só idade mínima, diz Raimundo Lira — EXAME

Por nova imagem, governo lança plano para investir R$ 42,15 bi – A Força do Querer



Em nova tentativa de buscar uma agenda positiva para se contrapor a medidas amargas, o governo vai anunciar na quinta-feira o Projeto Avançar, que prevê investimentos de 42,15 bilhões de reais até o fim de 2018, ano eleitoral. Após conseguir barrar na Câmara as duas denúncias contra o presidente Michel Temer, o Palácio do Planalto…
via Por nova imagem, governo lança plano para investir R$ 42,15 bi — VEJA.com

segunda-feira, 6 de novembro de 2017

“Presidente não fica irritado”, diz Temer sobre críticas de FHC




Brasília – O presidente da República, Michel Temer, negou nesta segunda-feira, 6, que tenha ficado irritado com o artigo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, intitulado “Hora de Decidir”, publicado pelo jornal O Estado de S. Paulo na edição desse domingo. No texto, Fernando Henrique pede ao PSDB que desembarque do governo na convenção do partido,…

domingo, 5 de novembro de 2017

Paradise Papers: offshores expõem relações entre Trump e Rússia e citam ministros de Temer | Minha Otica Sobre Politica

:: Sputnik em 05/11/2017 21:13 :: Mais de 120 políticos e líderes mundiais estão citados no Paradise Papers, iniciativa de investigação coordenada pelo Consórcio Internacional de Jornalistas de Investigação (ICIJ) e que mostra os interesses e atividades junto a empresas offshores, sediadas em paraísos fiscais – como já revelado anteriormente em outra apuração, o Panamá […]
ppvia Paradise Papers: offshores expõem relações entre Trump e Rússia e citam ministros de Temer — JF Clipping

domingo, 22 de outubro de 2017

Projetos de autoria de Julio Paschoal que podem transformar a realidade dos cidadãos são apresentados ao Senador Wilder Morais – Setor Pedro Ludovico

Em reunião com o Senador Wilder Morais, Julio Paschoal se apresentou como Pré candidato a Deputado Estadual pelo PSDB, na ocasião Julio Paschoal apresentou ao Senador os 4 projetos de sua autoria sendo um na área da Educação, outro na área de desenvolvimento econômico, esses dois primeiros com aplicação nacional e outros dois de aplicação Estadual, o Trabalhando com Jovens e o de Estágios. 

O detalhe que faz toda a diferença nos projetos é que são de custo zero para os parceiros que podem ser: Prefeituras, Câmaras de Vereadores e Associações. O Senador Wilder Morais gostou de todos.
 [embed]https://www.facebook.com/924956747647117/photos/a.975437292599062.1073741829.924956747647117/1032166043592853/?type=3&theater[/embed]

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Temer articula e consegue garantir vitória de Aécio no Senado



Os bandidos são mais unidos que a população!

Esse acordão já foi anunciado há tempos. PT+PMDB+PSDB=QUADRILHA,que agora tem o aval do Supremo Tribunal Federal.

terça-feira, 17 de outubro de 2017

Júlio Paschoal apresenta projetos de sua autoria ao Senador Wilder Morais – É da Minha Conta

Numa agenda produtiva mostrando sua pretensão a deputado estadual pelo PSDB, o economista e professor Júlio Paschoal esteve acompanhando de seu pai ex-deputado Ênio Paschoal e do também ex-deputado Vicente Miguel, em encontro com o senador Wilder Morais (PP), na manhã do dia 28/09.
 

Na ocasião, o pré-candidato apresentou ao senador quatro projetos de sua autoria, sendo um para o setor da Educação, outro na área de Desenvolvimento Econômico, ambos para aplicação a nível nacional, e outros dois para serem aplicados no âmbito estadual, sendo eles o Trabalhando com Jovens e de Estágio para alunos de nível superior, a custo zero para os parceiros, que podem ser desenvolvidos através das Prefeituras, Câmaras ou Associações. 

O senador Wilder Morais elogiou os projetos de Júlio Paschoal, considerando-os de grande importância para a sociedade de Goiás e do país.
 [embed]https://www.facebook.com/924956747647117/photos/a.975437292599062.1073741829.924956747647117/1035780323231425/?type=3&theater[/embed]

O número de telefone do “Presidente Temer” circulava na mão de qualquer um


Câmara divulga número do celular particular de Temer na internet


“ESCULHAMBAÇÃO TOTAL”!!! O número de telefone do “Presidente Michel Temer” circulava nas mãos de qualquer um.

sábado, 14 de outubro de 2017

Se aproximando dos Evangélicos, Henrique Meirelles prega austeridade e nega ser candidato – Eu Digo Sempre

Ele afirma que não será candidato em 2018 e assim como faz João Doria, outro que disse que não seria, os movimentos sugerem que Henrique Meirelles pode sim trilhar o caminho das urnas no ano que vem. Só para constar ele é filiado ao PSD de Gilberto Kassab, já pleiteou governar o estado de Goiás, tem trânsito tanto na "extrema" esquerda quanto na direita "ultra" conservadora. Há analistas políticos que defendem que no momento difícil que o Brasil atravessa, somente um nome respeitado por todos pode tirar o Brasil do buraco em que está.
 



Mesmo com uma crise política que insiste em não arrefecer, os indicadores econômicos deram sinais positivos e o otimismo do mercado leva o ministro da fazenda Henrique Meirelles a acreditar que os apelos deram certo e já prepara revisão das projeções de crescimento da economia em 2017 e 2018.

“Tá vendo!”, brinca o ministro, entre risos, em entrevista concedida à Agência Estado na última sexta-feira. 

Na conversa, Henrique Meirelles abordou temas como recuperação judicial, Refis, problemas da economia, e não se esquivou de perguntas sobre religião ou política.

Questionado, Henrique Meirelles diz que se aproximou da Assembleia de Deus porque a igreja “compartilha da mesma mensagem de gastar só o que se ganha” na doutrinação a seus fiéis. Segundo pesquisas, essa igreja reúne um terço dos evangélicos, que são 29% dos eleitores brasileiros. 

“Por formação, sou católico. Estou conversando com todos os setores que apoiam o equilíbrio das contas públicas. Encaro com muito entusiasmo esse apoio dos evangélicos”. 

 Leia os principais trechos da entrevista ... Henrique Meirelles prega austeridade e diz não ser candidato | EXAME

Seguidores

Google+ Followers